Quinta-feira (17/07) saem as indicações ao EMMY 2008, e como a única coisa que faltava nesse blog era as previsões, então não falta mais, pois aqui vão as minhas:

Bem, creio que está MUITO óbvio quatro nome dessa lista (Mad Men, Boston Legal, House e Damages), porém o EMMY pode surpreender as vezes.
O que pesa contra Grey’s Anatomy são os votantes, eles viram apenas a parte um do episódio, que não é grande coisa, pois Freedom só funciona com as duas partes juntas, talvez a “ladainha” da parte um não agrade tanto, pois a grande sacada do episódio está em seus minutos finais.

Os dois primeiros nomes são certezas, o terceiro pode ser substituído por Entourage, o quarto pode ser o Ugly Betty do ano, ou um My Name is Earl (que foi indicado a categorias técnicas e atriz coadjuvante, em seu primeiro ano) e o quinto é uma sitcom, e os velhos votantes ainda riem com elas.

Tenho dúvidas apenas quanto ao quinto colocado, apostei em Gabriel Byrne pelo fator Huff, mas nunca se sabe, pode voltar Denis Leary ou Bryan Cranston.

Fui corajoso e fui de Mary McDonnell, afinal ela tem a fita mais poderosa das atrizes, porém a votação popular pode enfraquê-la. Caso exista uma sexta indicada meu voto é Mariska Harigtay, pela fita “emmy bait” (um quase estupro).

Acredito bastante nesses cinco indicados, mas seu houve um sexto, acho (infelizmente) que será T.R. Knight, por ter sido indicado ano passado.

Acredito que se houverem 5 indicadas apenas, elas serão essas. Não tenho medo de Sandra Oh ficar de fora, afinal ela deve ter ido muito bem na votação popular, e sua fita é ótima (e ela não tem EMMY).
Caso exista uma sexta indicada voto em: Dianne Wiest, pelo nome e por uma fita poderosa, isso se for Paul and Gina: Week 8.

Alec Baldwin e Steve Carell são apostas seguras, Tony Shalhoub tavez não seja indicado, devido a fita fraca e a decadência do show, assim há espaço para David Duchovny ou Lee Pace. Os outros dois só serão indicados se seus shows forem.

Talvez uma dona de casa desesperada surpreenda aqui, mas eu dúvido muito.

Apostei em Jack McBrayer apenas como torcida, mas o último lugar pode ser de Kevin Dillon ou John Krasinski.

Jean Smart tem um nome forte, e deve ser indicada, Vanessa Williams, Elizabeth Perkins e Jenna Fischer têm indicações antigas, o que já ajuda, quem sofre um pouco é Kristin Chenoweth, porém seu novo show é um hit, e sua fita é ótima. Talvez Judith Light e Jane Krakowski surpreendam.

Caso queiram ler outras previsões de outros sites e blog tem aqui (Blog do Vinicius) e aqui (Cinéfila por Natureza) e aqui (Blog Tom O’Neil)